Jair A. Pauletto
O Singular do Plural
Capa Textos E-books Fotos Perfil Livros à Venda Contato Links
Textos

Descanse em mim amor sem fim

Sossega meu coração, supere a paixão

Suplico com todo o meu ser

Repousa em mim, amor sem fim

Espere descansado,

Sofra calado, serás recompensado

Que esse coração maltratado irá encontrar

Quem se possa verdadeiramente mar

Quem queira seu amor

Descanse, se fortaleça. sossegue, por favor

Esse intenso amor, não pode ser desperdiçado

Nem dedicado a quem não te dá valor

Seja esse imenso e intenso amor, forte e com sabor

Espere, serás desejado, vagarosamente degustado,

Saboreado e valorizado

E então, quem tiver o verdadeiro amor no coração

Te retribuirá em intensidade, cumplicidade e verdade

Pois amar requer reciprocidade

E na união desse amor veras a maior explosão

Ardera permanente, como lava incandescente

Esse vulcão, o amor é permanente erupção

Jair A Pauletto
Enviado por Jair A Pauletto em 26/05/2022
Alterado em 14/06/2022
Copyright © 2022. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários
Capa Textos E-books Fotos Perfil Livros à Venda Contato Links