Jair A. Pauletto
O Singular do Plural
Capa Textos E-books Fotos Perfil Livros à Venda Contato Links
Textos
Rock, Reage e um pouco de Rap
 
Escuro e profundo resume o meu mundo
Neste poço que me aperta o pescoço, soluço
Novo mundo de sentimentos em momentos
Nele mergulhei, assim que te encontrei
Não foi o que planejei, mas onde me afoguei
O mundo de utopia que meu coração construía
Quem diria que logo realidade seria...
Realidade dolorida como aberta ferida
     Ela é toda musical, alegre, sonora e angelical
     Alma alegre, vigorosa, suave e racional 
     Poderosa e graciosa de pouca prosa
     Por ser nos versos o seu universo
     Fechada, segura, como uma robusta fechadura 
     Rock, Reage e um pouco de Rap, cavei 
     Muito procurei, mas é tudo o que sei 
Mesmo em sonhos, igual não encontrarei
No escuro poço do medo bate em segredo
Um coração apaixonado que sofre calado
Um sentimento perfeito necrosado no peito
É o que se transformou o que de mim restou
No apocalipse da tranqüilidade a realidade
Um coração apaixonado rejeitado morre
Que desespero cruel é um amor infiel
É o falecer minguante de um amor gigante.

Jair A Pauletto
Enviado por Jair A Pauletto em 18/06/2012
Alterado em 12/07/2012
Comentários