Jair A. Pauletto
O Singular do Plural
Capa Textos E-books Fotos Perfil Livros à Venda Contato Links
Textos

Puro amor
 
Entre tantas virtudes e pecados
Que se debatem no meu interior,
Um sentimento foi arrebatador
Apareceu e se instalou de repente
Não foi contaminação ou imprudência
Nem sutil ou estrategicamente  plantado
Nasceu, cresceu e proliferou  todo o meu ser.
Manifesta-se da aurora ao entardecer
E a noite, rola de tanto querer.
Vírus invasor travou o sistema,
Tomou, ocupou,  monopolizou...
Eliminou sentimentos 
Corpo e alma conquistou,
Pois, você alimentou
O amor entre nós dois
Puro amor, agora sou.
Jair A Pauletto
Enviado por Jair A Pauletto em 29/08/2010
Comentários
Capa Textos E-books Fotos Perfil Livros à Venda Contato Links