Jair A. Pauletto
O Singular do Plural
Capa Textos E-books Fotos Perfil Livros à Venda Contato Links
Textos


Depoimento de amor
 
Na cama, no escuro...
Meu pensamento pula o muro.
Em passos largos, desce a rua
Sob o luar a buscar companhia
Na esperança de encontrar
Outro coração apaixonado,
A esperar.
 
Mas, na triste madrugada, fria,
Sem seu colo para acalentar,
Uma lágrima se faz notar
No triste olhar que
Só tem um teto para
Contemplar.
 
O corpo ardente a rolar
Faz o quarto relembrar
Tantas juras de amor,
Que no calor da paixão
Faziam tremer o coração.
Mas, eram apenas juras de excitação.
 
Envolto na ilusão deste amor
Fui uma andorinha a voar;
Beija-flor no néctar do seu olhar;
Raio e um trovão na calmaria;
Luz e alegria na cinzenta melancolia;
Asas e Energia pra voar...
 
Hoje, nesta cama só
Clamo sua companhia.
Não existe noite mais longa,
Mais triste e mais fria.
Sem você sou apatia;
Escuridão em pleno dia
Vagando por companhia.


Veja também: Um amor Pra te Ofertar
Jair A Pauletto
Enviado por Jair A Pauletto em 11/11/2009
Alterado em 22/11/2009
Comentários
Capa Textos E-books Fotos Perfil Livros à Venda Contato Links